Literatura Negro-brasileira

(curso intensivo)


1ª Aula
   


As funções da literatura


A arte literária pela sua fruição (leitura) é uma forma de imaginar.
Imaginar, por meio da leitura, possibilita que se viva experiências sem correr os riscos que as mesmas podem trazer, mesmo aquelas que envolvem emoções fortes; permite, ainda, que se passe a conhecer novidades do mundo real e também que se realize o autoconhecimento pela reflexão sobre as situações fictícias apresentadas.
Com a leitura também se pode experimentar o prazer estético que a organização das palavras é capaz de gerar, tanto do ponto de vista do som quanto das imagens que elas produzem.
A situação imaginária que o texto literário apresenta pode, ainda, incentivar que se tome atitudes na vida real, tanto do ponto de vista individual quanto coletivo.

 

Panorama de autores e obras da Literatura Negro-brasileira

- Conceituação: Negro-brasileira (substantivo “negro”, a indicar a parcela da população descendente de africanos de pele escura + adjetivo “brasileira”, atribuindo nacionalidade a este contingente populacional). A expressão pretende apontar para as experiências de vida daquele determinado segmento social como fonte de um conjunto de textos literários, dentro do território brasileiro.

- Precursores da singularidade da expressão de um “eu” lírico negro: Luís Gama, Cruz e Sousa e Lima Barreto.
- As interlocuções do autor negro: crítico e leitor (brancos e negros).
- Quem escreve? Para quem escreve? Sobre quem escreve? O que escreve?
- Traços de uma subjetividade coletiva.
- Polaridades desconstruindo estereótipos.
- Identidade reconstruindo o coletivo – Reflexão sobre as sequelas históricas e a autoestima.
- “Eu” individual e “eu” coletivo.
- Elos de geração.
- Organizações negras e literatura.
- Dois autores referências no século XX.
- Ascensão social como condição para o surgimento da Literatura Negro-brasileira.
- Teatro Negro-brasileiro e dramaturgia.
- 1978, um marco: Cadernos Negros.
- Grupos de escritores.



Obras
- Poesia.
- Prosa.
- Outros suportes.
- Antologias – caminhos do panorama.
- A Literatura Negro-brasileira “falando” em outros idiomas.
- Eventos e a conexão direta escritor/público.

- A crítica: brasilianistas e brasileiros, incluindo os próprios escritores.
- Outros meios promocionais.
- Obras de referência.



Metalinguagem

Quando um texto comenta ou produz reflexões acerca dele mesmo, temos a metalinguagem. Esta traz em si não apenas os propósitos estéticos como também as ideias que o escritor pretende que sejam vistas em sua obra.

Textos e autores

Intertextualidade

Diálogo com o cânone ?

Textos e autores

 

2ª Aula


“Eu” individual reconstruindo o coletivo

Textos e autores

A história emocionada

Textos e autores


Literatura e identidade negra

Textos e autores


Bibliografia básica

Poesia
Alves, Miriam. “Ouvidos aguçados”, in: Augel, Moema Parente. Schwarze poesie – Poesia Negra. St.Gallen/Köln : Edition diá, 1988 (edição bilíngue: alemão/português). p.138.
Assumpção, Carlos de. “Protesto”, in: Cuti; Assumpção, Carlos de. Quilombo de palavras. Franca, SP : Estúdio Mix, 1997. CD.
Assumpção, Carlos de.Quilombo: poemas. Franca, SP : Edição do Autor/Unesp, 2000.
Bandeira, Manuel. Estrela da vida inteira. Rio de Janeiro : Record, s.d.
Barbosa, Márcio.  “O que não dizia o poeminha de Manuel”, in: Cadernos Negros 15 : poemas. São Paulo : Edição dos Autores, 1992.
Barbosa, Márcio. “Sou do gueto”, in: Santos, Luiz Carlos dos; Galas, Maria; Tavares, Ulisses. O negro em versos: antologia da poesia negra brasileira. São Paulo : Moderna, 2005. p.96-97.
Camargo, Oswaldo de. “Atitude”, in: Cadernos Negros 1:  poesia. São Paulo : Edição dos Autores, 1978.
Cardoso, Lourenço. “Humanidade”, “História” in: Cadernos Negros, volume 29: poemas afro-brasileiros. São Paulo : Quilombhoje, 2006. p.160-161
Gama, Luís. “Lá vai verso!”, in: _______. Primeiras trovas burlescas. São Paulo : Martins Fontes, 2000.
Lima , Jorge de. Poesia completa. Rio de Janeiro : Nova Aguilar, 2004.
Limeira, José Carlos. A noite da liberdade. Salvador : Fundação Gregório de Mattos, s.d. (Voz & Poesia) – CD.
Lucinda, Elisa. O semelhante. 3.ed. Rio de Janeiro : Edição do Autor, 1997.
Onawale, Lande. O vento. Salvador : Edição do Autor, 2003.
Paula, Sidney de. “14 de Maio de 1888”, in: Cadernos Negros, volume 29: poemas afro-brasileiros. São Paulo : Quilombhoje, 2006. p.233.
Semog, Éle. “Ponto Histórico”, in: Santos, Luiz Carlos dos; Galas, Maria; Tavares, Ulisses. O negro em versos: antologia da poesia negra brasileira. São Paulo : Moderna, 2005. p.91.
Silveira , Oliveira. “Outra negra Fulô”, in: Cadernos negros 11 – poemas. São Paulo : Edição dos Autores, 1988.
Silveira, Oliveira. Pêlo escuro: poemas afro-gaúchos. Porto Alegre : Edição do Autor, 1977.
Sobral, Cristiane. “Petardo”, in: Santos, Luiz Carlos dos; Galas, Maria; Tavares, Ulisses. O negro em versos: antologia da poesia negra brasileira. São Paulo : Moderna, 2005. p.106.
Teodoro, Lourdes. “Balada del que nunca fué a Palmares”, in: Augel, Moema Parente (org.). Schwarze poesie - Poesia negra. Köln, R.F.A. : Edition diá, 1988 (edição bilíngue: alemão/português). p.134.
Trindade, Solano. Solano Trindade, o poeta do povo. São Paulo : Ediouro ; Editora Segmento Farma, 2008.
Ventura, Adão. Costura de nuvens. Sabará, MG : Dubolsinho, 2006.
Xavier, Arnaldo. “1888”, in Augel, Moema Parente (org.). Scwarze poesie – Poesia Negra.  Köln, R.F.A. : Edition diá, 1988 (edição bilíngue: alemão/português).

 

Poesia - Antologias
Afolabi, Niyi; Barbosa, Márcio; Ribeiro, Esmeralda (org.). Cadernos negros. Black notebooks: contemporary afro-brazilian literary movement. Trenton, NJ; Asmara, Eritreia : África World Press, 2008. (poemas).
Antonio, Soares; Rocha, Santa Inèze da (org.). Poetas negros do Brasil. Porto Alegre : Caravela, 1983.
Augel, Moema Parente (org.). Schwarze poesie - Poesia negra. Köln, R.F.A. : Edition diá, 1988 (edição bilíngue: alemão/português).
Bernd, Zilá (org.). Poesia negra brasileira: antologia. Porto Alegre : AGE; IEL; IGEL, 1992.
Camargo, Oswaldo de (org.). A Razão da chama: antologia de poetas negros brasileiros.  São Paulo : GRD, 1986.
Camargo, Oswaldo de (org.). Breve antologia temática. In: _______. O negro escrito. São  Paulo : Secretaria do Estado da Cultura, 1987.
Colina, Paulo (org.). Axé: antologia contemporânea da poesia negra brasileira. São Paulo : Global, 1982.
Correia, Beto (org.). Perfume da raça. Salvador; São Paulo : CEPA, 1987.
Duboc, Júlia (org.). Pau de sebo: coletânea de poesia negra. Brodowski, SP : Projeto  Memória da Cidade, 1988.
Oguiam, Edu Omo (org.). Capoeirando. Salvador : Centro de Estudos Afro-Orientais, 1982.
Quilombhoje (org.). Cadernos negros  1, 3, 5, 7, 9, 11, 13, 15, 17, 19, 21, 23, 25, 27, 29 e 31.  São Paulo : Autores, 1978-2008.
Santos, Luiz Carlos dos; Galas, Maria; Tavares, Ulisses. O negro em versos – Antologia da poesia negra brasileira. São Paulo : Moderna, 2005.
Ventura, Marciano (org.) Negrafias 02: literatura e identidade – antologia. São Paulo : Ciclocontínuo, 2009.
Vieira, Hamilton de Jesus (org.). Poetas baianos da negritude. Salvador : Centro de Estudos Afro-Orientais, 1982.



Contos
Barreto, Lima. “Um especialista”, in: _______. Clara dos Anjos. São Paulo : Brasiliense, 1956, p.199-208.
Dias, Ricardo. “Trabalhando em silêncio”, in: Cadernos negros 22: contos afro-brasileiros. São Paulo : Quilombhoje, 1999. p.81.
Sobral, Cristiane. “Pixaim”, in: Cadernos negros, volume 24: contos afro-brasileiros. São Paulo : Quilombhoje, 2001.

Contos - Antologias
Quilombhoje (org.). Cadernos 2, 4, 6, 8, 10, 12, 14, 16, 18, 20, 22, 24, 26, 28, 30 e 32. São Paulo : Autores, 1979-2009.
Felisberto, Fernanda (org.). Terra de palavras. Rio de Janeiro : Pallas; Afirma, 2004 (conto).
Afolabi, Niyi; Barbosa, Márcio; Ribeiro, Esmeralda (org.). Cadernos negros. Black notebooks: contemporary afro-brazilian literature. Trenton, NJ; Asmara, Eritreia : África World Press, 2008. (contos).
Ribeiro, Esmeralda; Barbosa, Márcio (org.). Cadernos negros: três décadas. São Paulo : Quilombhoje; Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial, 2008. (poemas e contos).
Ruffato, Luiz. Questão de pele: contos sobre preconceitos. Rio de Janeiro : Língua Geral, 2009 (contos)
Contos do mar sem fim. Rio de Janeiro: Pallas, 2010 (contos)


Novela
Camargo, Oswaldo de. A descoberta do frio. São Paulo : Edições Populares, 1979.

Barbosa, Márcio. Paixões crioulas - narrativa. São Paulo: Quilombhoje, 1987.



Romance

Crusoé, Romeu. A maldição de Canaan. Rio de Janeiro: Irmãos Di Giorgio & Cia, 1951.

Evaristo, Conceição. Becos da memória. Belo Horizonte: Mazza Edições, 2006.

Faustino, Oswaldo. A Legião Negra: a luta dos afro-brasileiros na Revolução Constitucionalista de 1932 - romance histórico. São Paulo: Selo Negro, 2011.

Gonçalves, Ana Maria. Um defeito de cor . Rio de Janeiro : Record, 2006.

Tal, Luís Fulano de. A noite dos cristais. São Paulo: Ed. 34, 1999.





Dramaturgia - Antologia
Nascimento, Abdias do. Dramas para negros e prólogo para brancos. Rio de Janeiro : Teatro Experimental do Negro, 1961.

Meirelles, Marcio; Bando de Teatro Olodum. Trilogia do Pelô. Salvador: FCJA; Copene; Grupo Cultural Olodum, 1995.



História e Crítica
Afolabi, Niyi; Barbosa, Márcio; Ribeiro, Esmeralda (org.). The Afro-brazilian mind. A Mente afro-brasileira. Trenton, NJ; Asmara, Eritreia : África World Press, 2007 (ensaio).
Bastide, Roger. “A poesia afro-brasileira: estereótipos de negros através da literatura brasileira.” In: ______. Estudos afro-brasileiros. São Paulo : Perspectiva, 1973. p.113-128.
Bernd, Zilá. Introdução à literatura negra. São Paulo : Brasiliense, 1988.
Bernd, Zilá. Negritude e literatura na América Latina. Porto Alegre : Mercado Aberto, 1987.
Bernd, Zilá. A questão da negritude. São Paulo : Brasiliense, 1984.
Brookshaw, David. Raça e cor na literatura brasileira. Porto Allegre : Mercado Aberto, 1983.
Camargo, Oswaldo de. O negro escrito. São Paulo : Secretaria de Estado da Cultura, 1987.
Camargo, Oswaldo de. A mão afro-brasileira em nossa literatura. In: Araújo, Emanoel (org.). A mão afro-brasileira: significado da contribuição artística e histórica. São Paulo : Tenenge, 1988. p.335-347.
Cruz, Luís Santa. A poesia negra no Brasil. Cadernos Brasileiros, ano IV, n.4, especial : África, ano IV, s.d.
Cuti. Literatura negro-brasileira. São Paulo : Selo Negro, 2010.
Damasceno, Benedita Gouveia. Poesia negra no modernismo brasileiro. Campinas, SP : Pontes, 1988.
Duarte, Eduardo de Assis. Literatura, política, identidades: ensaios. Belo Horizonte : FALE/UFMG, 2005, p.113-131.
Figueiredo, Maria do Carmo Lanna; Fonseca, Maria Nazareth Soares (org.). Poéticas afro-brasileiras. Belo Horizonte : Mazza Edições, 2002.
Gomes, Heloísa Toller. O negro e o romantismo brasileiro. São Paulo : Atual, 1988.
Kennedy, James H. Bibliografia da literatura afro-brasileira contemporânea. Estudos Afro-Asiáticos, Rio de Janeiro, n.15, p.218-237, 1988.
Mendes, Miriam Garcia. O negro e o teatro brasileiro. São Paulo : Hucitec ; Rio de Janeiro : Instituto Brasileiro de Arte e Cultura ; Brasília : Fundação Cultural Palmares, 1993.
Martins, Leda. A cena em sombras. São Paulo : Perspectiva, 1995.
Mendes, Miriam Garcia. A personagem negra no teatro brasileiro. São Paulo : Ática, 1982.
Nascimento, Abdias. Entrevista: “Teatro Experimental do Negro” in Nascimento, Abdias et al. Memórias do exílio, Brasil 1964-19?? São Paulo : Livramento, p.23.
Milliet, Sergio. “Alguns aspectos da poesia negra”, in: _______. Quatro ensaios. São Paulo : Martins Fontes, s.d.
Nunes, Cassiano. A poesia negra no modernismo brasileiro. Cultura, ano 2, n.5,  p.118-123, jan./mar. 1972.
Pereira, Edimilson de Almeida (org.). Um tigre na floresta de signos. Belo Horizonte : Mazza Edições, 2010.
Quilombhoje (org.). Reflexões sobre literatura afro-brasileira. São Paulo : Conselho de Desenvolvimento e Participação da Comunidade Negra, 1985.
Rabassa, Gregory. O negro na ficção brasileira. Rio de Janeiro : Tempo Brasileiro, 1965.
Sayers, Raymond S. O negro na literatura brasileira. Rio de Janeiro : O Cruzeiro, 1958.
II Encontro de Poetas e Ficcionistas Negros Brasileiros, 2, 1986, Rio de Janeiro. Corpo de negro rabo de brasileiro. Rio de Janeiro, 1986. mimeografado.
Souza, Florentina. Afro-descendência em Cadernos Negros e Jornal do MNU. Belo Horizonte : Autêntica, 2005.
Souza, Florentina; Lima, Maria Nazaré (org.). Literatura afro-brasileira. Salvador : Centro de Estudos Afro-Orientais; Brasília : Fundação Cultural Palmares, 2006.
Sussekind, Flora. O negro como arlequim: teatro & discriminação. Rio de Janeiro : Achiamé/Socii, 1982.
Xavier, Arnaldo; Cuti [Luiz Silva]; Alves, Miriam (org.). Criação crioula, nu elefante branco. São Paulo : IMESP, 1987. I Encontro de Poetas e Ficcionistas Negros Brasileiros, 1985.

Textos de apoio
Hooks, Bell. “Alisando nosso cabelo”, Revista Gazeta de Cuba - Unión de escritores y Artista de Cuba, janeiro-fevereiro de 2005. Tradução do espanhol: Lia Maria dos Santos. Versão reproduzida  extraída de Coletivo Marias.
Munanga, Kabengele. “Ambigüidade raça/classe e a mestiçagem como mecanismo de aniquilação da identidade negra e afro-brasileira”, in: _______. Rediscutindo a mestiçagem no Brasil: identidade nacional versus identidade negra. Petrópolis : Vozes, 1999. p.84-89.
Ramos, Guerreiro. “O Negro desde Dentro”, in: _______. Introdução crítica à sociologia brasileira. Rio de Janeiro : Editora UFRJ, 1995. p.241-248.

Lançamento

Escritor